Evangelizar = Matar

natal_krampus

Por Ana Burke

O sistema religioso é imprescindível para os governos como método de controle da população tornando-a mais obediente, conformada, subserviente, cativa e maleável, enfim, em países onde os governos são corruptos e a injustiça social predomina, a religião tem a função de convencer as pessoas que o sofrimento e as diferenças entre ricos e pobres é a vontade e desejo de Deus. As igrejas estão em toda parte, muitas numa mesma rua enquanto em algumas cidades, nem mesmo um hospital existe e um único posto de saúde funciona muito mal e não consegue atender com eficiência a todos que precisam do básico para diminuir o seu sofrimento. Religiões usam de métodos eficientes de controle mental de forma que pessoas que frequentam os seus templos em criança nunca mais serão pessoas livres. Isto pode se perceber em pessoas que se tornaram ateístas após ter pertencido ou criado frequentando igrejas. Nunca mais a sua mente volta ao normal e, mesmo sabendo que não existe a divindade ofertadas às pessoas crentes, inconscientemente e independente da sua vontade chamam por Deus em algum momento. Inácio de Loyola disse aos Jesuítas: Não adianta matar o corpo, usar a fogueira! O melhor método é aquele que pode controlar as suas mentes de tal forma que nunca mais em suas vidas ficarão livres. O pulo do gato é inculcar as crenças nas mentes das pessoas enquanto ainda são crianças e atraem crianças com historinhas mentirosas fazendo-as repetir constantemente orações que contenham os dogmas da religião. Nunca mais tais coisas sairão das suas mentes e passarão a ser fiéis ao sistema por toda a sua vida. Os servos são necessários e também é necessário que nunca saibam que são servos.

Um dos primeiros ensinamentos inculcados como sendo normal é que são, e serão, julgados pelo seu Deus e, devido a isto, julgar ou condenar é uma das primeiras coisas que aprendem: Julgam aqueles que frequentam outras igrejas ou religiões mesmo que o deus seja o mesmo; julgam pessoas que não seguem deuses diferentes impondo a sua religião a estas pessoas na força como é o caso dos indígenas, seguidores dos candomblés e umbanda; Julgam pejorativamente homossexuais e os tratam como se eles fossem o lixo da humanidade; julgam os ateus e agnósticos e os tratam como se estes fossem o próprio Satanás; julgam que a sua religião ou fé é a única verdadeira e as outras são do diabo…E agora me diz: Onde existe moralidade nisto? O seu deus estimula a roubar terras e propriedades alheias, expulsar e matar os habitantes destas propriedades e tomá-las para si. É o caso de Israel que chegou e disse aos palestinos…esta não é mais a sua terra e decidimos que é nossa a partir de agora. Resultado: Israel agora é dono de 90% das terras dos palestinos que foram expulsos, massacrados e o restante deles está lá sewm o direito a uma vida livre, presos entre muros. Deus manda e apoia este tipo de coisas. Imagine alguém chegar na sua casa e dizer pra você: Esta não é mais a sua casa, deem o fora quietinhos ou todos vocês serão mortos…Ah! e não levem nada, saiam com a roupa do corpo.  Todas as propriedades desta cidade agora nos pertencem. Foi e está sendo isto o que está ocorrendo há anos com os palestino que vivem em constante terror. Não importa não é? As outras pessoas não importam, afinal o seu deus é o deus de Israel, é o deus dos exércitos, da guerra e da carnificina. Ele gosta de sacrifícios humanos. O que importa os palestinos? Estão sofrendo longe dos seus olhos e então, eles não existem. Os judeus são melhores e estão certos, afinal, eles são os seus amos e senhores. Eu não vou ver mas eu gostaria de ver quando for a sua vez de sair da sua casa com os seus filhos pequenos e só com a roupa do corpo. Este é o preço a pagar pela desinformação e comodismo.

As crianças, quando começam a frequentar a igreja já dão de cara com um homem sangrando e pregado numa cruz. Para uma criança isto é a condenação. Elas aprendem que já nasceram pecadoras, culpadas e responsáveis pela morte do homem pregado na cruz. Elas são convencidas de que devem sofrer caladas todos os martírios que aquele homem sofreu e devem carregar a sua cruz pelo resto das suas vidas. Elas devem aceitar ser sacrificadas da mesma forma ou de uma maneira mais sofrível como foi o caso de Pedro que pediu para ser crucificado de cabeça para baixo. Viver feliz, livre e satisfeito é proibido, é pecado e são tantos os pecados que jogam em suas costas que as pessoas diminuem de tamanho passando a andar curvadas pelo medo injetado nelas em cometer um daqueles pecados. E para inculcar de forma mais eficiente os dogmas cristãos em suas mentes espalham o ser crucificado por todos os lugares e repartições públicas para que as pessoas sempre se lembrem e nunca se esqueçam: Foi por você!

Outra coisa que aprendem a fazer com maestria é a olhar para o próprio umbigo e a condenar outras pessoas, principalmente aquelas que não sofreram tais adestramentos. Deus julga e elas, seguindo o exemplo ensinado e repetido nas igrejas também julgam…e mentem.  Aprendem que são as escolhidas e, portanto, superiores aos outros que não estão inseridos na sua religião ou não compartilham da mesma crença. julgam e condenam e é fácil perceber que muitos não crentes tem medo de dizer a verdade e inventam um deus que não exige que se frequente igrejas. Dizer a verdade é ser discriminado, massacrado ou repelido pela sociedade e até por familiares. É necessário ter um deus e muitos, para escapar das perseguições dizem: Eu sou católico não praticante ou, eu sou de uma outra religião mas não frequento a igreja. Isto não existe.

Os pais ignoram tudo o que poderia macular ou manchar a reputação dos seus doutrinadores ou da sua religião. Todas as barbaridades aconteceram no passado…não vão acontecer mais e, neste momento todos são santos. Mas e aquelas crianças que são abusadas por padres, pastores e por pessoas apoiadas pelos anciãos das Testemunhas de Jeová? Isto é um plano de Deus e não podemos interferir nos desígnios de Deus! É a vontade de Deus e ninguém deve discutir a justiça divina!. Se não acontece conosco é porque somos abençoados. Os outros que se danem. Mas! E aquelas crianças que os pastores e padres chamam de bruxas na África, fazem com que os pais abandonem os seus filhos ou deixam que seus filhos sejam perseguidos ou mortos por não ter dinheiro para pagar o padre ou o pastor para “limpar” as crianças? Eles são falsos profetas, dizem. O nosso profeta não faz isso! Ele é um verdadeiro profeta e a nossa religião é a certa…Enfim, os próprios pais fazem lavagem cerebral na cabeça de crianças e ensinam a eles todas as maldades que aprenderam de seus profetas justificando as insanidades cometidas pelo seu deus. Cada um só pensa em si mesmo. Abandonam os filhos mas não abandonam a sua igreja, a sua crença ou a sua religião.

Está mais do que provado que religiões nunca fizeram nenhum bem à humanidade. Separa as pessoas, as qualificam, constrói fanáticos, deteriora a mente, matou mais pessoas do que todas as guerras juntas, invadem espaços e destrói outras culturas, perseguem inocentes, estimulam a violência, perpetuam os crimes, se inserem na política e ditam normas de conduta, promovem a desigualdade social, tratam as mulheres como sendo seres inferiores e indignos, etc…

Os adultos religiosos se comportam na sua crença como uma criança que espera um presente ou um castigo do Papai Noel no Natal. A criança que acredita em Papai Noel é feliz na sua crença e se alguém disser a ela que o seu pai, a sua mãe, os seus avós, os seus tios, enfim, todos estão mentindo pra ela, este alguém será, com certeza, seu inimigo e se ela tivesse condição pra isto, mataria a pessoa em questão com o seu ódio. Ela foi ensinada desde que nasceu a amar a sua ilusão. Ela espera o ano inteiro ser premiada por bom comportamento ou castigada por mau comportamento. Com os adultos religiosos é pior porque esperam pela recompensa ou castigo que só virá depois da morte. Nenhum religioso acredita que será castigado…os castigados serão os outros e podem ser até os seus próprios filhos…não importa. Assim como não importa às crianças se outras crianças não receberam o presente esperado. Se foram castigadas foi porque mereceram. Deus é o Papai Noel de adultos e crianças religiosas. Papai Noel é um pai e Deus é um pai. A única diferença é que a criança terá ou não um presente real, não do Papai Noel porque sabemos que ele não existe e, quanto aos adultos, receberão um presente irreal, imaginário, não de Deus porque Deus, assim como o Papai Noel, não existem.

Assim como a criança que acredita em Papai Noel, acredita também que seus pais jamais mentiriam pra ela, da mesma forma é um religioso. Ele jamais acreditaria que o seu “pastor” mente pra ele(a) ou que é uma pessoa falsa e hipócrita que só visa dinheiro. Papai Noel vai premiar a criança se a mesma foi obediente o ano inteiro e Deus vai premiar o seu seguidor se ele for obediente a vida inteira e seguir todas as regras impostas e que devem ser seguidas.

As crianças aceitam a chantagem dos pais com muita naturalidade e o religioso aceita a chantagem que fazem com ele e sua família pelos representantes do seu deus, também, com muita naturalidade. Os espertos e inteligentes eram queimados na fogueira pela “Santa”Inquisição na Idade Média – Não digo “idade das trevas” porque ainda estamos nas trevas – E temos então, em consequência desta mentirada toda, um mundo cheio de humanos hipócritas, chantagistas, tolos e…doentes. Pode alguém que passa a vida olhando para uma cruz com um morto pendurado nela sangrando e sendo torturado ser saudável? Pode alguém que bebe o sangue e come a carne deste morto ser saudável? Pode alguém que carrega o símbolo da tortura e da morte, a cruz, ter uma mente saudável? Pode uma pessoa que passa a vida com medo e aceita ser subjugada por este medo ser saudável? As pessoas são obrigadas a crer, a ter uma religião…por que será? O que é obrigatório desrespeita o livre pensamento e a livre decisão. Se você não crê será condenado: “Quem crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenado”. Marcos 16:16

Os índios tinham como deus a floresta, as árvores, os animais, o sol e devido à sua crença eles protegiam a floresta, os animais e toda a natureza diante deles. Chegaram os cristãos e disseram à eles que o deus deles é Satanás, disseram a eles que o deus deles é do mal e que só o deus dos cristãos é verdadeiro. Deram a eles a bíblia, inculcaram besteiras em sua mente e a floresta deixou de ter importância para aqueles que foram doutrinados.

Evangelizar = Matar

13 comentários sobre “Evangelizar = Matar

  1. Estimada Ana, não te encontrei mais no Facebook. Aconteceu alguma coisa? Foi exatamente após vc postar um lindo texto sobre espiritismo ( Chico Xavier e plagio ). Após eu ler e tentar compartilhar ele havia sumido. Te procurei no face, mas vc não constava mais na Rede. 😦
    Um forte abraço!!!
    Geraldo Jr.

  2. Quanto julgamento..quanta ironia..quanto relativismo.Muitos querem mesmo a porta larga,mas Jesus disse que devemos ir pela porta estreita e este é o caminho que muitos escolheram..respeite!

  3. Não sei se vou conseguir. Mas, meu objetivo é tentar avisar alguem deste site de que o governo Temer do Brasil, vai tentar aprovar uma reforma educacional tornando obrigatório o estudo da religião, da bíblia e do criacionismo. Provavelmente, isto deve ser imposição das igrejas evangélicas em troca de seus votos a favor do golpe no Brasil. Estudar o criacionismo é tornar o mito de Adão e Eva como sendo os primeiros humanos, o que é um absurdo, é uma violação ao conhecimento científico e as pesquisas que mostram a origem de todos os seres e do gênero humano, um retorno ao obscurantismo da Idade Média. Não sei se alguem deste site pode ajudar o Brasil a barrar a aprovação desta reforma. Se alguém puder ajudar, ficamos contente. Se não puder, vale assim mesmo, e continuaremos a lutar contra essas hipocrisias que domesticam e aprisionam as pessoas mais do que grades e algemas.

  4. Deus tenha misericordia de voces…
    Deus nao perdoa quem peca contra o espirito santo…
    niguem disse que ia ser facil a vida de um cristao nesse mundo que jaz no maligno..
    devemos entrar pela porta estreita por que larga e espacosa e a porta que conduz a perdicao..
    se voces nao acreditam em Deus,pelo menos tenham respeito por aqueles que acreditam …
    sou serva sim de JESUS CRISTO que foi crucificado na cruz por amor a mim e outras milhares de pessoas nesse mundo…
    ele desmostrou oque e realmente amor….
    Deus seja gloricado..
    paz do Senhor!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s