Eu sou um demônio

000

Por Ana Burke

*****

O deus do Velho Testamento chamava de demônios os outros deuses de outras religiões, deuses estes concorrentes do Deus de Israel. E como o Deus de Israel queria ser o único deus, ele tinha que eliminá-los para se impor, o que não foi fácil. Ele incitou guerras e mais guerras e um incontável números de pessoas mataram e morreram obedecendo as suas ordens. Ele sempre gostou de sacrifícios, inclusive humanos, desde que os sacrifícios fossem dirigidos à Ele apenas ou realizados em Seu nome. Não havia clemência e a matança correu solta:

“Porquanto deixaram ao Senhor, e serviram a Baal e a Astarote.” Juízes 2:13

“Depois todo o povo entrou na casa de Baal, e a derrubaram, e quebraram os seus altares, e as suas imagens, e a Matã, sacerdote de Baal, mataram diante dos altares.” 2 Crônicas 23:17

“Também quebraram a estátua de Baal; e derrubaram a casa de Baal, e fizeram dela latrinas, até ao dia de hoje.” 2 Reis 10:27


Quando o povo oferecia sacrifícios aos outros deuses ou adorava os outros deuses, os sacerdotes diziam aos incautos e inocentes que eles estavam oferecendo sacrifícios aos demônios e os castigava:


“Sacrifícios ofereceram aos demônios, não a Deus; aos deuses que não conheceram, novos deuses que vieram há pouco, aos quais não temeram vossos pais.” Deuteronômio 32:17

“E nunca mais oferecerão os seus sacrifícios aos demônios, após os quais eles se prostituem; isto ser-lhes-á por estatuto perpétuo nas suas gerações.” Levítico 17:7

Os demônios, outras crenças ou outros deuses, eram inimigos de Deus e de Jesus, sendo que Este último os expulsava do corpo das pessoas e dando a entender que estavam possuídos por espíritos malignos e que eram estes espíritos malignos que atrapalhavam as suas vidas lhes trazendo doenças ou demência. Hoje em dia os Pastores evangélicos dizem aos índios que os espíritos da floresta ou os seus deuses são demônios e isto foi feito pelos Jesuítas na época dos descobrimentos.  Jesus veio para destruir os demônios e destruiu os principais deuses que dominavam naquela época e, mais tarde, substituiu Horus na crença dos romanos. Portanto, “o Filho de Deus se manifestou para desfazer as obras do diabo”. E o que é o diabo? O diabo não é uma entidade como pensam os religiosos, mas a tendência de cada um em seguir o oposto e considerado errado e pernicioso. Ser tentado pelo diabo é duvidar daquilo que está estabelecido e inculcado nas mentes simples como sendo a única verdade, ou o certo, ou mesmo desejar coisas proibidas. Foi o caso de Jesus quando foi tentado pelo diabo no deserto. É o poder Religioso e dominante que decide  o que é certo ou errado na vida de cada um e até o que cada pessoa deve vestir, com quem ou de que maneira ter relações sexuais, o que come e até o que pensam. Tudo é controlado.

Jesus nada mais fez do que destruir os demônios, a crença em outros deuses.

Os doutrinadores desenham para os seus fiéis os demônios como sendo seres horríveis, maldosos, causadores de doenças, prejudiciais e que tudo o que acontece a elas de ruim em suas vidas é culpa destes demônios que entram em seus corpos e que precisam ser expulsos. Eles também fazem estas pessoas acreditarem que estes demônios só podem ser expulsos por pastores ou padres e dentro das igrejas. Ir à igreja e frequentar os cultos ou a missa é parte fundamental na doutrinação e estes fiéis, depois de terem as suas mentes bem trabalhadas, não conseguem mais abandonar a igreja, se sentem culpados e perseguidos pelos demônios que foram colocados dentro dos seus cérebros.

A cada demônio que Jesus expulsava da mente das pessoas, acontecia um ato milagroso e a pessoa era considerada curada e, dentro das igrejas, os milagres que Jesus fazia são reproduzidos todos os dias. Não existem e nunca existiram milagres que repõe um membro amputado ou corrija um defeito físico de nascença, o que prova a má conduta destes pastores que usam de mentiras e falcatruas para convencer as ovelhas de que podem curá-las de qualquer doença, afastando as entidades malignas das suas vidas. Os seres humanos gostam de acreditar em mágicas ou milagres e pagam qualquer preço por isto.

A cabeça deste povo é uma salada de entidades maléficas e rituais adestradores. Usam a cruz e todo o tipo de estátua ou amuletos para afastar o que julgam ser o mal em suas vidas. Não sabem quem é quem e o quê é o quê. Chamam Satanás de Lúcifer e dizem que Maria continuou virgem apesar de a bíblia dizer o contrário.

Satanás, o opositor do Deus dos exércitos é tido como a pior das entidades maléficas, só que Satanás ou o diabo, na bíblia, não passa de uma fraude, uma deturpação. A bíblia ou as escrituras nunca afirmou que o diabo seja uma entidade. O diabo pode ser uma ideia oposta ao estabelecido e considerada como certa. Basta estudar as chamadas tentações sofridas por Jesus. Ele foi para o deserto e chegando lá foi tentado pelo diabo. Nós só somos tentados por nós mesmos quando não dominamos os nossos desejos indo contra os nossos princípios. A pessoa só é tentada tentada quando se deixa tentar. Quando é atraída irresistivelmente por algo proibido. É um movimento que vem de dentro, íntimo e que incita à prática do que a pessoa considera um mal. Resistir à tentação é combater consigo mesmo para não sucumbir a um desejo ilícito. Jesus ficou nesta luta consigo mesmo porque Ele era atraído pelo poder mundano. Combater a tentação é combater as nossas fraquezas e tendências para a prática daquilo que a nossa consciência considera como algo errado ou prejudicial.

A fé, nada mais é que uma tática usada para impedir as pessoas de questionar ou pensar, sendo então forçadas a aceitar, como verdade absoluta, tudo o que lhes é ensinado.

Os religiosos nem mesmo sabem quem é o “tal” do Espírito Santo. E lá alguém quer saber? Acreditam que é um espírito inspirador do bem e da paz. Basta observar o comportamento das pessoas quando recebem o Espírito Santo. É o mesmo comportamento insano e bárbaro atribuído aos demônios.

Uma prova de que os religiosos não pensam, são irracionais pode ser constatada facilmente. As Igrejas, Católica e outras, ensinam que Deus e Jesus é um só ao mesmo tempo em que afirmam que o espírito de Jesus é o espírito Santo, que Jesus, o Espírito Santo e Deus são três numa só pessoa. Se Jesus fosse realmente Deus, então Deus morreu e o mundo ficou sem Deus por três dias enquanto Ele estava no inferno(sepultura). E como pode Deus morrer? É muita alienação. E se Jesus é Deus como pode estar sentado à direita do Pai? Isto quer dizer que são divindades diferentes. E quando Jesus estava morrendo na cruz Ele disse:

Eli, Eli, lamá sabactâni; isto é, Deus meu, Deus meu, por que me desamparaste? Mateus 27:46 .

Jesus tinha um Deus. Ele não era, ou é, Deus. A história da trindade é absurda e TUDO é absurdo e irracional, menos para àqueles que vivem nos currais. Pra eles tudo é normal.

É também qualificado como demônio ou Satanás, pelos doutrinadores religiosos as pessoas que não creem ou as pessoas que tentam soltar algumas das suas ovelhas do curral ou tirá-las da Senzala.  Se alguém disser que não acredita em Deus os religiosos olham tal pessoa como se estivessem vendo a encarnação da maldade diante delas e acreditam que podem se contaminar. Tal pessoa, se possível, deve ser destruída ou afastada do convívio social.

EU, Ana Burke, sou um demônio para muitos, sou Satanás. E isto porque me oponho e sou contra os desmandos dos líderes religiosos, sou contra os seus dogmas, sou contra o livro imoral que eles fabricaram e que dizem ter sido inspirado ou escrito por Deus. Sou contra a exploração de pessoas inocentes que tem os dogmas religiosos inculcados em suas mentes a cada oração que pronunciam, sou contra a idolatria e a mortificação do corpo, sou contra adorar o sofrimento e a morte, sou contra carregar a cruz, sou contra a apologia à ignorância, a escravidão mental e a hipocrisia.


*****

7 comentários sobre “Eu sou um demônio

  1. Acho que Deus ou Deuses e Demonios não existe, mas não posso provar. Mas se esses seres espirituais existe, creio que estaremos limitados a escolher um ou entraremos em castigo eterno, então eu me oponho a Deus (Deuses) e aos Demônios, pois só assim me sentirei com liberdade! Aceito criticas e debates!

  2. Você é um demônio ? Sim todos os humanos o são assim como também são deuses ( o próprio Pai disse isso … ) , mas eu afirmo que também são demônios pois criam deuses , assassinatos , massacres , holocaustos , guerras , preconceitos e etc …
    Não adianta culpar a Deus por algo que a sua raça fez …
    Segundo o que você escreveu , agradeça a Deus por você ainda não ter morrido , ja que Ele mata aos outros deuses …
    Você disse que nunca na bíblia teve um cidadão que recuperou uma perna amputada pelas mãos de Jesus e por isso não eram milagres , mas e os mortos que Jesus ressuscitou , e os cegos e surdos que curou ? E os leprosos que Ele curou ?
    Ana , Ele te salvou e você somente o renega ? Pobre inocente …

    • Você estava lá vendo estes milagres acontecer Guilherme? Você já leu a bíbla? O que você repete feito um papagaio foi inculcado na sua mente. Disseram pra você e você acreditou e é por isto que você é um crente. Abraços

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s